ESCOLA DE GASTRONOMIA SOCIAL ABRE 400 VAGAS PARA CURSOS BÁSICOS ON-LINE EM FEVEREIRO

A programação é gratuita e é necessário ter disponibilidade para o horário das aulas 

A Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM), oferece 400 vagas em 10 cursos on-line neste mês de fevereiro.

As formações são focadas em empreendedorismo em gastronomia, panificação, chocolateria e confeitaria. Todas as aulas serão on-line no modelo de ensino remoto e não ficarão gravadas. Ou seja, é importante que os candidatos tenham disponibilidade e acesso à internet nos horários definidos no edital.

Entre os cursos estão: Boas práticas na manipulação de alimentos (20h), Preparação de pizzas artesanais (20h), Panificação básica: Preparação de pães para café da manhã (12h) e Chocolate: Ovos de Páscoa (12h).

Flávio Costa, professor de panificação, ressalta que as formações geram oportunidades no mercado de trabalho da gastronomia. “Os objetivos dos cursos básicos são ensinar e capacitar motivando os alunos que estão ingressando na área da gastronomia.” explica Flávio. Gerliane Oliveira, participante do curso de Preparação de bolos comerciais e regionais, afirma que as aulas foram uma forma de criar experiência na área da gastronomia. “Está me ajudando a descobrir se quero fazer a faculdade de Gastronomia, porque gosto de fazer as pessoas felizes por meio da comida e pretendo trabalhar nesse mercado.”, diz Gerliane.

Sobre a Escola – Instituição da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult), a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (EGSIDB) é gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM). O nome faz referência ao fundador do grupo M. Dias Branco, que financiou a sede doada para o Estado em uma parceria público-privada. O centro de formação oferece cursos básicos e profissionalizantes em cozinha, panificação e confeitaria, além de mentorias para desenvolvimento de produtos e projetos, por meio do Laboratório de Criação em Cultura Alimentar e Gastronomia Social. Todas as atividades são gratuitas, mediante inscrição e processo seletivo. O público-alvo preferencial da escola é formado por jovens em situação de vulnerabilidade social e adultos com ou sem experiência em gastronomia.

Ciclo 1 – Fevereiro/2021 – Inscrições: dias 3 e 4

Ciclo 2 – Fevereiro/2021 – Inscrições: dias 17 e 18

(Clique Aqui Para Se Inscrever)

 

FONTE

Escola Gastronomia Social